Região de Atuação

Patrocinadores

Ecologia e conservação de felinos no bioma Mata Atlântica


Equipe Responsável


Coordenador do projeto: 

Katia Maria Paschoaletto Micchi de Barros Ferraz

Equipe executora:

Katia Maria Paschoaletto Micchi de Barros Ferraz
Maísa Ziviani Alves
Beatriz de Mello Beisiegel
Renata Alonso Miotto
Rogério Cunha de Paula
Ronaldo Gonçalves Morato
Silvio Marchini
Francesca Belem Lopes Palmeira
Júlia Ferrúa dos Santos
Marcelo Magioli

Descrição

Apesar de sua cobertura vegetal ter sido bastante reduzida, a Mata Atlântica ainda apresenta áreas inseridas dentro de um contínuo florestal em bom estado de conservação. No entanto, essas áreas vêm perdendo espécies fundamentais para manutenção da dinâmica dos ecossistemas, como predadores de topo de cadeia. Os principais objetivos dos Planos de Ação Nacionais (PAN) para as espécies de felinos que ocorrem na Mata Atlântica são ampliar o conhecimento sobre a biologia, ecologia e áreas de ocorrência dessas espécies. Neste contexto, a presente proposta objetiva realizar estimativas populacionais dos felinos em áreas conservadas do maior contínuo florestal de Mata Atlântica do Brasil, contribuindo para uma melhor avaliação do seu status de conservação. Além disso, objetiva atender metas dos PANs relacionadas à modelagem espacial, de conectividade e localidades-chaves para os felinos neste bioma. Este estudo reune pesquisadores de renomadas instituições de pesquisa e integrando campos de pesquisa em ecologia de mamíferos, conservação da biodiversidade e modelagem ecológica. Os métodos incluem o armadilhamento fotográfico para estimativas de abundância, densidade e co-ocorrência em cinco Unidades de Conservação. Os pontos obtidos serão também incorporados à base já existente para a geração de modelos de distribuição de espécies para a Mata Atlântica. A integração de diferentes pesquisadores e instituições, e a aplicação de ferramentas avançadas em pesquisa aplicada possibilitará o exercício da inter, multi e transversalidade em prol da conservação do bioma Mata Atlântica, das espécies e funções ecológicas que estas desempenham. Ainda, a integração deste projeto a outros três que serão realizados nas mesmas áreas resultará em um dos maiores esforços para conservação já registrados para um hotspot de biodiversidade. Por fim, os resultados contribuirão com seis metas dos PANs de Espécies Ameaçadas de Felinos, coordenados pelo CENAP/ICMBio.